PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA ,ES,BR

PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA ,ES,BR
ENTARDECER NA PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA,ES,BR

SERGIO DE MATOS Headline Animator

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

FELIZ ANO NOVO A TODOS OS AMIGOS E VISITANTES DO NOSSO BLOG

                                                      FELIZ ANO NOVO A TODOS DO BLOG...
                                         E UM RECADO PARA QUEM FOR FAZER OFERECIMENTOS NA PRAIA.
                                                                 COMO ELAS JÁ ESTÃO IMUNDAS 
                                                            FAVOR NÃO SUJAREM AINDA MAIS ,
                                                       ISTO É SE SUJAREM RECOLHAM O LIXO,
                                FAÇAM OFERECIMENTOS ECOLOGICAMENTE CORRETO COM NOSSO MEIO AMBIENTE









sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

CRIMES HOMOFÓBICOS 2012..vitímas da homofobia

                               ALGUNS CRIMES HOMOFÓBICOS DE 2012
QUE DÃO AO BRASIL MEDALHA DE OURO EM HOMOFOBIA
VEJAM O QUE OS HOMOFÓBICOS FAZEM COM  O NOSSO POVO.
 ESTES AI SÃO HOMOFÓBICOS
NEUCIMAR FRAGA .
MAGNO MALTA
SUELY VIDIGAL .
MARCELO CRIVELA
ANTONY GAROTINHO
JAIR BOLSONARO
MIRIAM RIOS
EDIR MACEDO
DILMA VANNA ROUSSEF.

                             CRIMES DE HOMOFOBIA DE 2012

                                      23/02/12       WIRIS
                                       Câmeras filmaram
                                    Willis ao chegar em casa com dois homens.
Duas horas depois os suspeitos saíram com TV e uma bolsa
O telefonista Willis Delfino
Valeriano, 26 anos, foi assassinado com mais de 60
facadas, na madrugada de ontem,
dentro de sua casa, na rua Freitas
Lima, centro de Vila Velha. Os acusados do crime são dois homens que entraram com ele na casa e saíram, duas horas depois, levando vários objetos roubados.
Willis trabalhava em uma empresa de telefonia em Vila Velha e
morava com mais dois amigos.
Eles viajaram no Carnaval e o rapaz não foi porque iria trabalhar.
À 1h30 de ontem, câmeras de segurança da rua em que ele morava
filmaram a chegada dele com mais
dois homens ao imóvel. Às 3h50,
as câmeras registraram a saída dos
acusados levando uma TV de 32
polegadas e uma bolsa.
O corpo de Willis foi encontrado
na manhã de ontem, às 9h30,
quando um morador da casa voltou de viagem. A porta estava trancada, mas o interior da residência
estava completamente revirado e
com muito sangue.
O corpo de Willis estava em cima da cama, de sunga de praia, e
com as mãos amarradas por um
fio. Ele também tinha marcas de
soco no rosto. De acordo com a perícia da Polícia Civil, havia 34 perFOTOS: REPRODUÇÃO - FERNANDO RIBEIRO/AT
O CORPO de Willis estava amarrado, a faca foi encontrada no chão e a casa estava toda revirada
furações nas costas, 6 nas nádegas,
22 no tórax e 6 no rosto.
A faca usada no crime foi apreendida no local pela polícia e já foi
encaminhada para perícia. O delegado Ages Macedo Filho esteve no
local do crime e acredita que pelas
características do fato seja um caso de latrocínio.
“A principal linha de investigação
 È latrocínio, pois ele pode ter
conhecido esses homens na mesma noite e os levado para casa.


https://www.facebook.com/nildo.correia
https://www.facebook.com/media/set/?set=a.219817454757926.53806.100001890203583&type=1

Renato Mariano Junior

O restaurador da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), Renato Marianno Junior, desaparecido desde segunda-feira (12), foi encontrado morto por volta de 8h de ontem em Colatina, Noroeste do Estado. Segundo informações da Polícia Civil, o corpo dele estava boiando em uma lagoa de uma propriedade particular na localidade de Barra de São João Pequeno, interior do município.
Um funcionário da propriedade fazia o serviço de capina quando avistou o corpo. Pelo estado de decomposição, a polícia acredita que Renato tenha sido assassinado no domingo ou na segunda-feira. Ele foi atingido por duas facadas, uma no rosto e outra no peito. O corpo foi levado para o Serviço Médico Legal (SML) de Colatina e liberado na noite de ontem pelo irmão dele, Ewerton Luiz.

Karolly Mel 


Karolly Mel - Morta a pauladas em Campinas/SP. , foi vítima de transfobia, morta a pauladas e foi jogada do carro.
Karolly teve hemorragia cerebral e veio a falacer depois.


Jonathan Fonseca do Nascimento

Jonathan Fonseca do Nascimento, 18 anos, morador em uma casa dos fundos da Rua Itagiba de Oliveira, na Barra. O crime chocou os moradores daquela região e até mesmo as autoridades e imprensa pela tamanha crueldade.
O jovem foi estripado, parte dos órgãos internos, as vísceras, foi arrancado e pendurado no espelho da sala. A Polícia Militar foi chamada às 20h28 da noite desta sexta-feira e compareceu ao local através da viatura comandada pelo Sargento Prado, onde ele foi informado por uma testemunha, o patrão da vítima, que Jonathan Fonseca não compareceu ao trabalho, comércio de lanches, naquela região, e então foi até a casa dele saber do motivo. Deparou com a porta da sala aberta e constatou em seguida que havia sangue no interior da casa, estando o chuveiro ligado. Imediatamente acionou a Polícia Militar, uma vez que ali provavelmente havia ocorrido um crime.
Constatamos que havia muito sangue espalhado na sala da casa e pegadas de pés descalços. Ao entrar na residência deparamos com vítima que seria o morador, caído no chão apresentando perfurações no rosto e pescoço e um corte abdominal, por onde o homicida retirou parte das vísceras espalhando pela casa, afirmou.
Populares afirmaram sobre a vítima manter relacionamentos homossexuais, sendo apontado também dois nomes de conhecidos, relata o REDS número 2012-000822843-001. A Polícia Militar fez contato com a cidade de Palma, já que Jonathan Fonseca é de lá e morava sozinho em Muriaé onde estudava e trabalhava



A Polícia de Alumínio, região de Sorocaba, investiga a morte de um adolescente de 16 anos assassinado no final de semana na cidade. De acordo com investigações a suspeita é que a morte tenha sido motivada por homofobia, como informa o G1/ TV TEM.
Segundo a polícia, o garoto estava em uma festa no bairro Colina Verde, onde ingeriu grande quantidade de bebida alcoólica e ficou desacordado. Horas depois, o corpo do adolescente foi encontrado em outro ponto da cidade, próximo ao bairro do Brejo.
Segundo relatos da família no corpo da vítima haviam escoriações e frases sugerindo que a morte foi provocada porque o garoto era homossexual.
SOROCABA – A Polícia Civil de Alumínio, a 84 km de São Paulo, investiga a morte de um adolescente de 16 anos, possivelmente assassinado na madrugada de domingo, 10, depois de uma festa na periferia da cidade. O rapaz, que era homossexual, teve a pele riscada com palavras de conteúdo homofóbico.
Havia ainda frases escritas com batom no corpo e na roupa da vítima. De acordo com a polícia, o garoto estava na festa, no bairro Colina Verde, e havia ingerido grande quantidade de bebida alcoólica. Conforme relato feito por testemunhas aos policiais, o adolescente ficou desacordado em razão do excesso de álcool no organismo e teria sido levado por pessoas que estavam num grupo. O corpo, com várias escoriações, foi encontrado mais tarde em outro ponto da cidade, próximo do bairro do Brejo.
Familiares pediram à polícia a investigação da morte, pois acreditam que o rapaz foi vítima de homofobia. A Polícia Civil aguarda o resultado dos exames que vão apontar a causa da morte. O laudo deve ficar pronto em 15 dias.
Um policial de Alumínio que trabalha nas investigações disse que o dono do local em que se realizava a festa era amigo da família da vítima e que os riscos e palavras escritas com batom podem fazer parte de uma brincadeira dos amigos, que não sabiam do quadro grave de embriaguez do rapaz. De acordo com o policial, as escoriações e ferimentos no corpo não seriam suficientes para provocar a morte. Enquanto o laudo não fica pronto, a hipótese de homicídio será investigada. Há suspeita de que possam ter sido colocadas drogas ilícitas na bebida da vítima. O corpo do rapaz foi sepultado no cemitério da cidade.


                                        13/06/12 Rodrigo Fagundes

13/06/12 Rodrigo Fagundes, de 32 anos, foi assasssinado nessa madrugada. O motivo, ao que tudo indica, não poderia ser mais torpe, sua orientação sexual. Para além disso, foi morto a pedradas. De acordo com informações de Lenardo, chefe do GIC (Grupo de Investigações e Capturas) da 91ª DP, Rodrigo Fagundes de Souza (...) teria sido atingido por um paralelepípedo, na região da cabeça e do rosto.
Ainda de acordo com o inspetor, os dois suspeitos do crime foram identificados como Alessandro Diniz dos Santos, o ‘Tiquinho', e Wellington da Silva Almeida. Ambos são suspeitos de chefiar o tráfico de drogas na localidade e estavam cumprindo pena em regime condicional. Eles fugiram e estão sendo procurados pela polícia.
O crime aconteceu por volta das 4 e meia da madrugada, na rua Getúlio Vargas, no Benfica. Segundo informações da reportagem da Band, os dois suspeitos já foram identificados, mas não foram presos (ambos estão em liberdade condicional, condenados por tráfico de drogas).
Além das pedradas, Rodrigo ainda teria sido abusado sexualmente. Nada foi roubado, o que caracterizaria o crime como motivado por homofobia.

                                  Maviael Menezes de Almeida,

Maviael Menezes de Almeida, 52 anos, estava desaparecido desde o último dia 28 de junho, data em que a família foi à polícia e registrou um possível sequestro, em Palmares. O corpo do médico foi encontrado com várias marcas de facadas e tiros na noite desse domingo às margens de um rio, em Barreiros, Zona da Mata Sul.
De acordo com a Polícia, junto ao corpo do médico, estavam alguns lençóis, uma caixa de uísque e uma faca. O veículo dele, uma Hilux, foi abandonado no Distrito de Nossa Senhora do Ó, em Ipojuca. A polícia acredita que o médico foi morto em Palmares, também na Mata Sul, e depois levado para Barreiros.
A vítima era conhecida por atuar em várias cidades da região, como Palmares, Belém de Maria, Catende e Água Preta. Ele era filho do ex-deputado estadual e ex-prefeito das cidades de Belém de Maria e Catende, Manoel Ramos de Almeida, e da ex-prefeita de Belém de Maria, Maria Menezes.
O médico Maviael Menezes era especialista em Saúde Pública e Medicina do Trabalho pela Unicamp (SP), servidor concursado da Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco e médico do trabalho do Centro Regional de Saúde do Trabalhador (Cerest) de Palmares. Maviel já exerceu os cargos de secretário municipal de Saúde de Belém de Maria e Catente e foi diretor do Hospital Regional de Palmares e da Unidade Mista Dr. João Mayrinck em Catende.
Para a polícia, todas as hipóteses serão checadas neste crime: latrocínio (assalto/roubo seguido de morte), crime passional e até morte por encomenda. O corpo de Maviael Menezes foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), na área central do Recife.

                                  Erisvaldo Coutinho dos Santos
EUNÁPOLIS – A polícia de Porto Seguro ainda busca pistas dos assassinos de Erisvaldo Coutinho dos Santos, 48 anos.
Conhecido como ‘Ana do Acarajé’, ele era muito popular na cidade de Eunápolis, onde, por muitos anos, vendeu acarajé em um tabuleiro no centro da cidade.
Erisvaldo desenvolvia a mesma atividade em Trancoso, litoral sul de Porto Seguro, onde foi morto com 10 facadas na tarde do último sábado (7).
O crime, que aconteceu na Rua Tancredo Neves, no centro do distrito, deixou os clientes de Erisvaldo revoltados. A motivação do homicídio também é desconhecida.

                                                      Carlos Oliveira Machado (Carlitos)
O holocausto continua na baixada fluminense.
Na madrugada do dia 15 de junho ( domingo) o corpo do meu amigo Carlos Oliveira Machado (Carlitos), ( foto) 36 anos, foi encontrado crivado de balas, no bairro Cabuçu Município de Nova Iguaçu.
Sobre a vitima.
Nome; Carlos Oliveira Machado, conhecido como Carlitos, Tinha 36 anos, cozinheiro, era muito querido na localidade, era gay assumido.
Modalidade. Tiros.
Data, 15 de julho de 2012.
Local. Cabuçu Nova Iguaçu.
Autor/autores do crime; Desconhecido/os
Qualquer informação sobe o crime favor ligar sem se identificar para;
O8000-234567
2253 11 77

Dois jovens aparentando cerca de 18 anos foram encontrados por moradores da localidade Santo Antônio Rio das Pedras, no CIA, área do município de Simões Filho.
Os corpos estavam em um terreno utilizado por caçambeiros que despejam dejetos no local. A perícia constatou diversas perfurações feitas por arma branca. Não havia perfurações de bala nos corpos.
Os dois jovens vestiam apenas sungas e não possuíam nenhum documento de identificação. Os corpos foram removidos para o Instituto Médico Legal Nina Rodrigues. Ainda não há pistas da autoria e nem motivação do crime. Do Bocão News
                                                            Xuxete, 


Mais uma noticia de TRANSFOBIA, dessa vez em NATAL-RIO GRANDE DO NORTE,Xuxete, Tcham, Glória Maria, Lázaro Ramos, oh pai ó, Thaynar, cinquenta centaRRo, Dandara entre outros nomes , era um ser humano que muitos tinham carinho por ela, ai infelizmente não gosto de publicar essas fotos, mais devemos chamar a atenção da sociedade para os crimes com nossa população, chega de tanta maldade nós temos direitos de ser quem quisermos, ela foi morta a pauladas como um animal, aqui em natal-RN, CHEGA DE CRIMES CRUÉIS COM NOSSA POPULAÇÃO!
Nós que fazemos a Atransparencia-Rn sentimos muitos aqui externamos nossos sentimentos.
ATRANSPARÊNCIA-RN
 —

Uma travesti de 24 anos foi encontrada morta na madrugada desta sexta-feira (17), no quilômetro 43 da Rodovia Cornélio Pires (SP-127), que liga Piracicaba (SP) a Tietê (SP). Segundo a Polícia Civil, a vítima estava com marcas de três tiros: no peito, no rosto abaixo do nariz e uma de raspão na bochecha direita. O corpo estava no acostamento da estrada.

Ainda segundo a Polícia Civil, o corpo foi encontrado após uma denúncia anônima via 190. A travesti possuía uma tatuagem na coxa direita e outra, uma fênix negra, nas costas. Após ser reconhecida por um amigo, o corpo foi levado ao IML (Instituto Médico Legal) de Piracicaba. O caso é investigado pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG), pelo delegado Wilson Lavorenti. Nada foi levado dela, já que estava com a bolsa e pertences pessoais.

Para o autônomo Renner Silveira de Goes, de 18 anos, que reconheceu a travesti, a amiga era tranquila e não tinha inimigos. “Nem sei o que pensar, pois foi algo muito recente”, afirmou. A polícia ainda não sabe o motivo do crime. Lavorenti foi procurado pela reportagem, mas não foi localizado por estar em ocorrência desta sexta.

 Elisa Sabatella Brasil


Quem é Elisa Sabatella Brasil? Perguntando assim, muitos que não a conheciam dirão se tratar de alguma celebridade da TV, do teatro ou do cinema. Não, ela não conseguiu chegar ao estrelato. Aos 17 anos, Elisa, travesti, expulsa de casa, drogada e prostituída, teve a vida ceifada por motivos que ainda carecem de muita investigação, mas como Elisa era só uma travesti, órfã, em vida, de família, de escola, de igreja. Ninguém vai se importar com a morte dela... Elisa tinha muitos homens e, ao mesmo tempo, não tinha ninguém. Elisa não tinha um amor para chorar sua partida. Se existe este amor, certamente, está chorando calado. 

                                        Celso Rafik Albarnaz Germanos,

Vítima foi encontrada em sua casa por uma funcionária
Um médico oftalmologista foi encontrado morto em Capão da Canoa, no Litoral Norte, na manhã desta quarta-feira. Conforme a Brigada Militar (BM), Celso Rafik Albarnaz Germanos, de 48 anos, foi localizado por uma funcionária em cima da cama no quarto de casa, que fica na rua Guilherme Guitmann, no bairro Zona Nova no município.
O corpo tinha marcas de facadas, segundo o comandante do 2º Batalhão de Policiamento de Áreas Turísticas (BPAT), tenente-coronel Paulo Ricardo Garcia da Silveira. Ele acredita que se trate de um crime passional. A caminhonete Captiva de propriedade de Germanos foi localizada também na manhã desta quarta-feira na cidade. Segundo o comandante, o veículo foi utilizado na fuga após o crime, que deve ter ocorrido na madrugada.

                                                        Edmilson Pereira- Eddy Taylor


O SR Edmilson Pereira- Eddy Taylor( Como gostava se ser chamado peos amigos do grupo 28 de junho), era cozinheiro, comerciário, gay assumido,morador do bairro Cabuçu ( nova Iguaçu).
Saiu de casa dia 02( domingo) para ir a 9a parada LGBT de Nova Iguaçu e desapareceu. O seus amigos desconfiaram do desaparecimento, foram a sua procura e o econtraram ( Hoje dia 05 ) amarrado e morto e asfixiado em uma casa no bairro ceramica perto do supermercado Macro.
Segundo informações o mesmo foi visto pela ultima vez na parada gay de Nova Iguaçu.
Edmilson Pereira, tinha 35 anos trabalhava como cozinheiro no Supermecado Macro, na Via Dutra.
O crime foi registrado na 58 DP Posse.
Estarei me reunindo com o delegado para contribuir com as investigações.
Quem tiver mais informação por favoir ligar para 08000234567 ou para o disque denuncia 22531177. Contamos com a colaboração do povo do bairro cerâmica.
Eddy Taylor
Era militante do grupo 28 de junho ha bastante tempo.
Na sua página do orkut e no seu perfil estava escrito a seguinte reflexão;
Sobre Eddy
Eu…
já perdoei erros quase imperdoáveis, tentei substituir pessoas insubstituíveis e esquecer pessoas inesquecíveis. Já fiz coisas por impulso, já me decepcionei com pessoas que nunca pensei decepcionar, mas também decepcionei alguém.Já abracei pra proteger, já dei risada quando não podia, fiz amigos eternos, já amei e fui amado, mas também já fui rejeitado, fui amado e não amei.Já gritei e pulei de tanta felicidade, já vivi de amor e fiz juras eternas, “quebrei a cara” muitas vezes.Já chorei ouvindo musica e vendo fotos, já liguei só pra escutar uma voz, me apaixonei por um sorriso, já pensei q fosse morrer de tanta saudade e tive medo de perder alguém especial(e acabei perdendo).Mas vivi!E ainda vivo.Não passo pela vida…e você também não deveria passar, viva…bom mesmo é ir à luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e vencer com ousadia, porque o mundo pertence à quem se atreve e a vida é muito para ser insignificante!!!!!!!!!!!!!


                                                                 Isaac Souza Matos,
Bahia o assassinato de mais uma homossexual, o jovem Isaac Matos (24), assassinado com crueldade na noite da última segunda feira (11) na Praia do Corsário. Ontem à noite, as discussões sobre o ocorrido já era motivo de tristeza após o comunicado de Luiz, que havia recebido uma ligação informando sobre o ocorrido. A polícia investiga o assassinato do estudante de Psicologia da Unijorge, Isaac Souza Matos, 24 anos, no bairro Corsário. O jovem foi encontrado morto dentro do apartamento onde morava, no Edifício Galera. A polícia encontrou o corpo do jovem caído ao lado da cama, usando apenas uma bermuda. Ele tinha ferimentos por perfuração nas costas, tórax e no rosto.
Segundo a delegada Francineide Moura, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o corpo do jovem foi encontrado pelo companheiro dele, o psicólogo cearense Gilmaro Nogueira. Ele contou que, ao chegar em casa, por volta das 21h40, viu marcas de sangue no chão do corredor. Foi, então, que viu o corpo do jovem caído ao lado da cama.
Ainda de acordo com a polícia, o guarda-roupa do jovem foi revirado e há indícios de que a cena do crime foi modificada. O companheiro de Isaac contou à polícia que vasculhou o guarda-roupa para ver se tinham roubado alguma coisa.
O psicólogo contou que foram roubados da casa dois notebooks e uma mochila, onde teria guardado dinheiro. Não havia sinais de arrombamento e, segundo a polícia, há pegadas de sangue no chão do apartamento.
O enterro do estudante de psciologia acontece às 17 horas de hoje no Cemitério Jardim da Saudade, em Brotas

                                                   Vanderson Viegas Silva 




Uma travesti de 24 anos morreu após ser arrastado por um carro por duas quadras na manhã deste domingo, na zona sul de São Paulo.
Segundo a polícia, o travesti tinha entrado no carro de um suposto cliente por volta das 7h. Eles estavam em um hotel, na avenida dos Bandeirantes, quando houve uma discussão e o Wanderson da Silva saiu do carro.
Ainda de acordo com a polícia, assim que o travesti desceu do veículo, o motorista acelerou. Wanderson, então, se agarrou no capô do carro e o motorista continuou dirigindo, arrastando o travesti até alameda dos Piratinins.
Wanderson chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. A polícia procura pelo autor da morte.
O caso foi registrado no 27º DP (Campo Belo), onde o caso será investigado.
Policial Civil é suspeito de ter matado um travesti em São Paulo
A matéria divulgada pelo telejornal Bom Dia São Paulo, revela que Vanderson Viegas Silva de 25 anos, conhecido como Sheila, morreu depois de ser atropelado quando saia de um hotel com um suposto cliente.
Segundo testemunhas que estavam no local, Sheila pulou no capô enquanto o motorista manobrava para sair do estacionamento, foi então que o motorista arrancou com o carro, derrubando Sheila no chão que se feriu gravemente na cabeça. As testemunhas também reconheceram o carro do investigador que foi encontrado com marcas de sangue e uma porção de maconha.
A polícia conseguiu encontrar o suspeito perto do local do crime, ele foi encaminhado nesta madrugada (9) para a Corregedoria da Polícia Civil onde prestou depoimento.
Agora tanto a Corregedoria quanto o DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) vão investigar o caso.
Segundo a reportagem a Polícia Militar informou que o investigador vai ser indiciado por porte ilegal de arma, isso porque o Policial Civil não podia portar armas e estava afastado do trabalho por tratamento psicológico.

                                                       Amós Lima Chagas,


travesti Amós Lima Chagas, 39, um dos mais populares e conhecidos de Aracaju, que ganhou o apelido de Madona, foi assassinado com golpes de paralelepípedo, crime ocorrido na madrugada da última sexta-feira, 19, no centro de Aracaju.
Há informações que o assassino teria atingido Madona com paralelepípedos. Ele ainda foi socorrido com vida e encaminhado pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), onde morreu na noite desta terça-feira, 23. De acordo com informações do Huse, Madona deu entrada no hospital a 1h39 da madrugada da sexta, com traumatismo craniano (TCE) e faleceu às 18h44 da terça-feira.
O corpo de Madona está sem identificação no Instituto Médico Legal (IML). Na casa da rua São Luís, no bairro Industrial, onde ele morava, não há sinais de documentos da vítima e, entre os vizinhos o clima é de tristeza. “Ele era muito divertido, alegre, gostava muito de dançar, brincar e não fazia mal a ninguém. Só gostava de andar nos trinques e quando ouvia um som de carro ia pra lá e pra cá dançando e a gente ria muito”, comenta a dona de casa Lívia Maria Vieira, imitando os trejeitos do travesti.
Diariamente a vizinha costumava preparar as refeições para Madona. “Ele aparecia com massa de cuscuz, galinha e me chamava e eu, todo dia, fazia o café dele. Todo dia por penitência, eu fazia a comida”, comenta dona Lívia.Amado e odiado Os vizinhos não sabem do paradeiro dos pais de Madona. A mãe, segundo informou dona Lívia, saiu de casa há muitos anos e teria abandonado os filhos. Na casa da rua São Luis, ele morava com dois irmãos: Dário e Sidrack. Mas está abandonada.
De acordo com os vizinhos, Sidrack foi encontrado morto no mercado de Aracaju e o corpo foi enterrado como indigente. Alguns falam que Sidrack sofreu choque anafilático. “Dizem que ele estava dormindo e jogaram água gelada nele e aí, com o choque, ele morreu”, conta dona Lívia. Outros revelam que há comentários que ele teria sido envenenado. “Ouvi dizer que colocaram veneno na comida dele”.
Já Dário Chagas está preso. Segundo informações da vizinhança, Dario teve um desentendimento com um vizinho que prestou queixa contra ele na Delegacia de Polícia. “Mas ninguém falou que ofenderam ele [Dario] primeiro e ele reagiu”, disse dona Lívia. “Falar a verdade não é pecado”.
Parte da casa desabou no dia 14 de setembro do ano passado e a construção foi condenada pela Defesa Civil, mas os moradores não fizeram os reparos e, sem grande parte do telhado, eles permaneceram vivendo no imóvel.
Madona foi visto pela última vez na comunidade na última quinta-feira, 18. “Ele passou alegre, de manhã, e disse ‘bom dia dona Terezinha’, saiu e não apareceu mais”, diz a também dona de casa Terezinha dos Santos Silva, uma outra vizinha do travesti, que não esconde a tristeza pela morte do travesti. “Aqui a gente vai sentir muito a falta dele porque era muito respeitoso com a gente, era uma pessoa muito boa. Sempre dizia: ‘minha comunidade eu respeito’. Se ele aprontava era pra lá pela rua”, observa dona Terezinha.
Madona costumava andar pelas ruas do centro da cidade, sofria maus tratos, se comportava de forma divertida, mas também tinha reações violentas quando estava sob efeito de drogas, segundo informações do pessoal que sempre o encontrava, e também encantava muito com as brincadeiras que costumava fazer com os transeuntes. “Ele era querido e odiado, ao mesmo tempo”, observa o comerciante Carlos Alberto Rosa, dono de um bar na rua Santa Luzia, no centro. “Tinha mania de grandeza e dizia que a Globo [rede de televisão] estava perdendo porque não o contratava como atriz”, lembra o comerciante. “Ele desaparecia por um tempo e quando aparecia exibia as roupas de mulher que vestia dizendo que tinha ido a Paris buscar confecções”.
                                                             Rafaela Zeni 


Uma jovem de 20 anos procurou a polícia depois de ser agredida pela própria sogra na noite de domingo (28), no bairro Santana, em Cariacica. De acordo com a vítima, a mulher não aceita o relacionamento entre a jovem e a filha de 15 anos.
O cabelo, que era comprido, foi todo cortado. Rafaela Zeni também ficou com a boca ferida e teve um dos dentes quebrado. Segundo a moça, além das agressões, a mãe da adolescente a ameaçou de morte.
A vítima contou que as duas começaram a se relacionar há três meses e, no último final de semana, a mãe da adolescente ficou sabendo. A mulher teria ido até a casa da jovem acompanhada do filho de um policial militar.
De acordo com a vítima, os dois reviraram sua casa. “Ela foi até a minha casa, quebrou tudo, levou dinheiro, rasgou minhas roupas, molhou tudo. As roupas que tenho são as do corpo as que estavam na minha mochila. Ela pegou o chip do meu celular e deve estar ligando e ameaçando todos da minha família”, afirmou.
A jovem relatou a violência. “Ela me jogou dentro do carro e me mandou ficar quieta. Disse que se eu tentasse correr, iria meter tiro nas minhas costas. Ela e o filho do policial sentaram do meu lado. Ela pegou a tesoura, me mandou abaixar a cabeça, cortou meu cabelo e me deu um soco na boca. Ela falou que se eu procurasse a polícia ou falasse com alguém, iria me matar”, contou Rafaela.
Rafaela disse que era amiga da agressora. A jovem e a mãe procuraram a delegacia de Campo Grande, em Cariacica. Revoltada com a atitude da mãe da adolescente, a mãe da agredida espera por justiça. “Eu não acho isso justo. Ela nos ameaçou. Falou que se a gente viesse à polícia, ela iria matar minha filha. Ela disse que poderia ser presa, mas iria botar meio mundo atrás da gente. A gente é trabalhadora, a gente não é vagabunda. Hoje, nós perdemos um dia de serviço para estar aqui atrás disso. É muita injustiça”, comentou a auxiliar de serviços gerais Cirlene Helena Zeni dos Santos.
 — com Ong Lilas Cabo Frio.

                                                  Edmilson de Jesus [o Edmilson dos Cachinhos
O radialista Edmilson de Jesus [o Edmilson dos Cachinhos] foi assassinado por volta das 21 horas deste domingo (28), nos estúdios da radio Princesa da Serra, na cidade de Itabaiana, com três tiros.
Informações colhidas no local são de que Edmilson teria discutido com uma pessoa quando fazia um programa, chegando a troca de murros e pontapés. Depois se ouviu os disparos de três tiros que provocaram a morte.
As causas ainda são desconhecidas, mas colegas de Edmilson e pessoas que estava em frente à emissora logo após o crime, disseram que o radialista morto tinha problemas com a prática de pedofilia. Edmilson era homossexual.
A rádio Princesa da Serra, local aonde se deu o assassinato do radialista, está situada à avenida Manoel Antônio Santos, a 100 metros da corporação da Polícia Militar naquele município. Por volta de 01 hora da madrugada desta segunda-feira (29) o camburão do IML ainda não havia chegado para retirar o corpo do local.
Segundo informou um funcionário da rádio, a entrada do provável assassino foi consentida. A motoneta do radialista e seu celular foram levados, o que transmite a hipótese de latrocínio.
A mesma fonte diz que Edmilson de Jesus só conduziu o programa normalmente até às 20:30 horas do sábado e a partir daí foi seguido de músicas. Também não houve intervalo para comercial. A rádio ficou fora do ar durante o período em que a Polícia fazia perícia.
Edmilson não era funcionário da Princesa do Agreste. Atualmente ele tirava folga de colegas, como aconteceu no momento que foi assassinado. No período da tarde ele está fazendo o programa de Evanilson Santana que se encontra de férias. Hoje Edmilson trabalha em uma padaria da cidade.
Edmilson de Jesus já trabalhou em Aracaju e foi produtor do programa de Gilmar Carvalho na Rede Ilha. Ele também atuou na mesma função com George Magalhães.
O deputado estadual Capitão Samuel aproveitou para dizer que matar radialista dentro do estúdio é um crime contra a liberdade de expressão: “vamos levar isso à Anistia Internacional”.
Samuel considerou o fato lamentável e disse que o “O Governo precisa parar de prometer. Tem que tomar atitude concreta para melhorar a segurança no Estado”. Lembrou que esteve na SSP pedindo segurança para radialista de Itabaiana: “infelizmente nada foi feito e o resultado é um membro da imprensa morto”.
                                                     13 Novembro Davi Santana,

Na manhã de hoje (13), a comunidade de Caxias Município de Cícero Dantas está de luto com a morte do jovem Davi Santana, 16 anos que há 15 dias estava hospitalizado na Capital sergipana. O mesmo ingeriu o chumbinho (veneno de rato) e hoje não resistiu e veio a Óbito, os amigos postaram homenagens no facebook, frases de forças enquanto estava vivo.
Segundo depoimento de amigos o jovem Davi era uma pessoa sorridente e amigo de todos da comunidade. O sepultamento do mesmo será amanhã pela manhã no Cemitério local e o horário ainda será definido pela família.

Lucas Cardoso Fortuna,

O jornalista goiano Lucas Cardoso Fortuna, 28, foi encontrado morto na manhã deste domingo (18/11), na praia de Cabo de Santo Agostinho, próxima à cidade de Recife, no Estado de Pernambuco. Segundo informações de uma amiga próxima do rapaz, o corpo foi encontrado trajando apenas cueca e com sinais de espancamento.
A amiga informou que Lucas teria ido para Cabo de Santo Agostinho para ser árbitro de um jogo de Vôlei. Ele teria sido visto pela última vez no hall do hotel em que estava, na noite de sábado (17/11). Na manhã de domingo, ele não foi encontrado no quarto, o que levantou suspeitas sobre o desaparecimento.
O pai do rapaz foi até Pernambuco para buscar o corpo e fazer o velório na capital goiana. Lucas era presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), no município de Santo Antônio de Goias, e militante ativo do Movimento Gay, em Goiânia.
                                                            Francisco de Assis Mendes dos Santos
Um homem identificado como Francisco de Assis Mendes dos Santos, mais conhecido como “Chiquinho”, 63 anos,foi morto a golpes de tamborete e um cabide de madeira.O autor do assassinato é o individuo Francisco das Chagas de Sousa Cardoso, vulgo” Palhaço”, 25 anos.
Segundo aos Policiais Militares, o crime ocorreu por volta das 23:50h,de sexta-feira(07), na residência da vitima, localizada na Avenida Álvaro Mendes 1575.
No momento do crime, a vitima e o acusado estavam ingerindo bebidas alcoólicas, quando houve o desentendimento e conseqüentemente o assassinato. Chiquinho foi agredido com vários golpes na cabeça com um tamborete e um cabide de madeira e morreu ainda no local. A vitima foi encontrado totalmente despido e com o crânio afundado devido a violências das pancadas.
Os vizinhos chegaram a ouvir os gritos de socorro da vitima e acionaram o COPOM. Logo após o crime, o acusado fugiu pulando os muros da vizinhança, mas foi capturado momentos depois por Policiais Militares que fazia diligências em sua procura.
“Palhaço” foi conduzido à Central de Flagrantes e foi autuado por homicídio.

             Um casal foi decapitado e queimados dentro da casa em que viviam nesta segunda (24)dezembro 2012




Um casal foi decapitado e queimados dentro da casa em que viviam nesta segunda (24), na região do Pedregal, no Novo Gama, cidade do entorno do Distrito Federal. De acordo com a Polícia Militar do Estado de Goiás, as vítimas, o cabeleireiro José Dalvalei Alves Pereira e a travesti identificada até o momento somente como Camila, mantinham um relacionamento amoroso.
Até o início desta tarde (24), ninguém havia sido preso e a polícia investiga o caso. Uma criança de dez anos encontrou o facão que pode ter sido usado no crime. Agentes levaram a arma para ser periciada. As informações são do 5º Comando Regional da Polícia Militar do Estado de Goiás.
O crime - Inicialmente os vizinhos acionaram o Corpo de Bombeiros, acreditando que se tratava apenas de um incêndio e foram os bombeiros que descobriram o crime ao chegar ao local, encontrando os dois corpos sem as cabeças e carbonizados. A ocorrência foi registrada no Centro Integrado de Operações e Segurança (Ciops), que foi chamado mais tarde, após pessoas encontrarem as duas cabeças jogadas no meio da rua, num local próximo de onde os corpos foram encontrados.
As causas do crime ainda são desconhecidas. Uma perícia foi feita na casa do casal e o laudo deve sair em até 30 dias. O padrasto do rapaz assassinado afirmou que o casal não tinha envolvimento com drogas, mas que costumavam beber e que no domingo (23) ambos teriam se envolvido numa briga após beber num bar da região. Já a mãe do rapaz informou que o filho teria recebido ameaças de uma vizinha por ciúmes do marido, com quem José estaria saindo.
Apesar destas denúncias, a polícia prefere trabalhar com a hipótese de que uma terceira pessoa teria ido à casa do casal de madrugada, bebido com eles e, possivelmente, cometido o crime.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...