PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA ,ES,BR

PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA ,ES,BR
ENTARDECER NA PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA,ES,BR

SERGIO DE MATOS Headline Animator

sábado, 29 de setembro de 2012

Os três últimos desejos de Alexandre "O GRANDE"


Os três últimos desejos de Alexandre
 "O GRANDE"

Quando à beira da morte, 

Alexandre convocou 
os seus generais 
e relatou seus três últimos desejos: 

1º Que seu caixão fosse transportado pelas mãos dos médicos da época; 

2º Que fosse espalhado no caminho até seu túmulo 
os seus tesouros conquistados (prata, ouro, pedras preciosas...);

3º Que suas duas mãos fossem deixadas balançando no ar
, fora do caixão, à vista de todos.

Um dos seus generais, admirado com esses desejos insólitos,
 perguntou a Alexandre quais as razões. Alexandre explicou:

1º Quero que os mais iminentes médicos carreguem meu caixão
 para mostrar que eles NÃO têm poder de cura perante a morte;

2º Quero que o chão seja coberto pelos meus tesouros para que
 as pessoas possam ver que os bens materiais aqui conquistados, aqui permanecem;

3º Quero que minhas mãos balancem ao vento para que as pessoa
s possam ver que de mãos vazias viemos e de mãos vazias partimos.

Pense e reflita sobre isso...
 Não deixe de correr atrás de seus sonhos, mas não esqueça de viver intensamente 
e de usufruir de seus sentimentos e emoções, pois as coisas materiais são necessárias
 para nossa sobrevivência e conforto aqui na terra, porém elas ficam,
 já as emoções e sentimentos nascem e morrem com a gente.
Curtir ·  · 

A SEGURANÇA DO PACIENTE


10 PASSOS PARA 

A SEGURANÇA DO PACIENTE 

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO ESTADO DE SÃO PAULO – COREN-SP
REDE BRASILEIRA DE ENFERMAGEM E SEGURANÇA DO PACIENTE – REBRAENSP – POLO SÃO PAULO


SÃO PAULO – 2010

SOBRE OS AUTORES


Ariane Ferreira Machado Avelar

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Enfermeira Técnico-Administrativa em
Educação da Universidade Federal de São Paulo. Membro da Câmara Técnica
do COREN-SP. Membro da REBRAENSP - Polo São Paulo.

Carmen Ligia Sanches Salles

Enfermeira. Mestre em Enfermagem. Consultora em Controle de Infecção e
Gerenciamento de Resíduos. Membro da Câmara Técnica do COREN-SP.
Membro da REBRAENSP - Polo São Paulo.

Elena Bohomol

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora do Centro Universitário
São Camilo. Membro da REBRAENSP - Polo São Paulo.

Liliane Mauer Feldman

Doutoranda do Programa de Pós-graduação da Universidade Federal de São
Paulo. Membro da REBRAENSP - Polo São Paulo.


Maria Angélica Sorgini Peterlini

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta da Universidade
Federal de São Paulo. Coordenadora da REBRAENSP - Polo São Paulo.

Maria de Jesus Castro Sousa Harada

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta aposentada
da Universidade Federal de São Paulo. Coordenadora da Câmara Técnica
do COREN-SP. Membro da REBRAENSP - Polo São Paulo.

Maria D’innocenzo

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta da Universidade
Federal de São Paulo. Membro da REBRAENSP - Polo São Paulo.

Mavilde da Luz Gonçalves Pedreira

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta da Universidade
Federal de São Paulo. Pesquisadora do CNPq. Assessora do COREN-SP. Membro
da REBRAENSP - Polo São Paulo.

Rosemeire Keiko Hangai.

Enfermeira. Gerente de Risco e Membro da CCIH do Hospital Cotoxó. Membro
da REBRAENSP - Polo São Paulo.


INTRODUÇÃO

A Aliança Mundial para a Segurança do Paciente, desde a sua criação em
2004, tem elaborado programas e diretrizes que visam sensibilizar e mobilizar
profissionais de saúde e a população para a busca de soluções que promovam a
segurança do paciente, divulgando conhecimentos e desenvolvendo ferramentas
que possibilitem a mudança da realidade no cenário mundial.

No mesmo propósito, a Rede Brasileira de Enfermagem e Segurança do Paciente
(REBRAENSP) tem como finalidade promover articulação e cooperação
técnica entre instituições direta ou indiretamente ligadas à saúde e à educação
de profissionais da área, além de fortalecer a assistência de enfermagem
desenvolvendo diversos programas conforme as necessidades dos Estados e
municípios no território nacional.

O Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo – COREN-SP – ciente de
que a equipe de enfermagem possui um papel fundamental nos processos que
envolvem a atenção ao paciente, assumiu, para o ano de 2010, o compromisso
de promover uma grande campanha pela segurança do paciente, esclarecendo
a categoria de enfermagem e chamando-a à responsabilidade de lançar um
novo olhar sobre suas práticas cotidianas e identificar falhas no processo
possíveis de gerar erros.

Assim, a cartilha 10 Passos para a Segurança do Paciente foi elaborada
a partir de ampla discussão com membros do Polo São Paulo da REBRAENSP
em parceria com a Câmara Técnica do COREN-SP , no sentido de contemplar
os principais pontos que teriam impacto direto na prática assistencial de
enfermagem, capazes de serem implementados em diversos ambientes de
cuidados.


Profissionais com experiência acumulada na prática, no ensino ou na pesquisa,
em muitos anos de dedicação à área da saúde, elaboraram os dez passos com
base em evidências científicas atualizadas e procuraram apresentá-los de forma
objetiva e prática, sendo estes:

1. Identificação do paciente; 
. Cuidado limpo
e cuidado seguro – higienização das mãos; 
3. Cateteres e sondas – conexões
corretas;
 4. Cirurgia segura; 
5. Sangue e hemocomponentes – administração
segura; 
6. Paciente envolvido com sua própria segurança; 
7. Comunicação efetiva;

8. Prevenção de queda;
9. Prevenção de úlcera por pressão e 
10. Segurança na
utilização de tecnologia.

Apesar dos passos descreverem processos básicos de cuidado de enfermagem
para a promoção da segurança do paciente, entende-se que sua implementação
nos diferentes locais de prestação de assistência possa a ser um processo
complexo, frente à cultura organizacional vigente em grande parte do sistema
de saúde nacional.

A cartilha foi elaborada com o intuito de informar, esclarecer e orientar
sobre relevantes aspectos da segurança do paciente, demonstrando a igual
importância de todos para sustentar a assistência de enfermagem em princípios
e fundamentos que promovam a segurança do paciente.

Desta forma, espera-se que a cartilha 10 Passos para a Segurança do Paciente
forneça elementos capazes de contribuir para a construção do conhecimento de
enfermagem, desenvolvimento profissional e melhora da assistência prestada à
população.

Boa leitura!


Crise das aéreas preocupa a Casa Civil


Crise das aéreas preocupa a Casa Civil
Prejuízos de 2012 fazem ministra Gleisi Hoffmann temer por preço das passagens e saúde financeira das empresas
Setor quer combustível e taxas aeroportuárias mais baratas; governo não cita novas medidas concretas para aviação
BRENO COSTA
DE BRASÍLIA
Os prejuízos registrados por companhias aéreas neste ano fizeram acender a "luz amarela" para o governo federal. O receio refere-se aos impactos que os resultados negativos possam ter sobre os preços de passagens e a saúde financeira das empresas.
A preocupação foi externada pela ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, a representantes do setor de turismo durante reunião fechada no Palácio do Planalto anteontem.
Estavam presentes representantes de associações, entre elas, a recém-criada Abear (Associação Brasileira das Companhias Aéreas).
Durante o encontro, um dos presentes citou o prejuízo bilionário registrado pelas companhias Gol e TAM no segundo trimestre deste ano -juntas, as duas registraram perdas de R$ 1,6 bilhão- e disse que "luzes vermelhas" deveriam ser acesas por conta desses resultados.
Gleisi admitiu, então, que essa era uma preocupação do governo e que a "luz amarela" estava acesa.
A ministra, na reunião, afirmou: "A questão da aviação comercial também é algo que nos preocupa, acendeu a luz amarela. Nós temos que conversar muito com aqueles moços ali, para ver o que está acontecendo, porque é uma concessão, um serviço público concedido. É o direito de ir e vir das pessoas".
"Eu nunca vi o governo manifestar preocupação antes. Espero que não seja só discurso, senão poderá ser tarde demais", diz a diretora do Sindicato Nacional dos Aeronautas, Graziella Baggio.
Entre os presentes na reunião, estava o presidente da Abear, Eduardo Sanovicz. À Folha ele admitiu que as "perspectivas são negativas" para os números dos próximos trimestres.
Contudo, afirmou que as companhias "não pretendem" aumentar os preços das passagens aéreas. No lançamento da Abear, em agosto, os presidentes da TAM e da Gol disseram que a tendência era de aumento nos preços.
A Casa Civil, em nota, disse que a preocupação mencionada na reunião "diz respeito à garantia e qualidade da prestação de serviços por parte das empresas aéreas à população".
O órgão afirma que "cobrará medidas que devem ser tomadas pelas companhias para eficiência de sua gestão".
A pasta não menciona no documento ações do governo para reduzir o custo dos combustíveis e o das tarifas de aeronavegação -mencionados pelas aéreas como responsáveis por parte do prejuízo.
A Casa Civil citou a recente desoneração da folha de pagamento das empresas como uma medida para conter a sangria das aéreas, mas a Abrae diz que a medida não é suficiente.
Do prejuízo de R$ 1,6 bilhão, o alívio sobre a folha cobre apenas R$ 300 milhões, segundo Sanovicz.

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Violentos disturbios en España: Policias vs Manifestantes 25/09/2012



QUANDO VAI CHEGAR NOSSA VEZ ?


VAMOS NOS ORGANIZAR PARA DETONARMOS 


TAMBÉM

JÁ PASSOU DA HORA HÁ 50 ANOS

Lula, você é o cara.CARALHO

Lula, você é o cara.CARALHO

Você é o cara que esteve por dois mandatos à frente desta nação e não teve coragem nem competência para implantar reforma alguma neste país, pois as reformas tributárias e trabalhistas nunca saíram do papel, e a educação, a saúde e a segurança estão piores do que nunca. 

Você é o cara que mais teve amigos safados e aliados envolvidos, da cueca ao pescoço, em corrupção e roubalheira, gastando com cartões corporativos e dentro de todos os tipos de esquemas. 

Você é o cara que conseguiu inchar o Estado brasileiro com tantos e tantos outros funcionários tão vagabundos quanto você e ainda assim fazê-lo funcionar pior do que antes.

Você é o cara que tem uma mulher medíocre inútil, vulgar e gastadeira, que usa indevidamente cartão corporativo, ao qual ela não tem direito constitucional, que vai de avião presidencial para São Paulo "fazer escova" no cabelo e retornar a Brasilia. (Aliás, diga-se de passagem, sem nenhum resultado positivo...) 

Você é o cara que mais viajou inutilmente como presidente inútil deste país, tão futilmente e às nossas custas. 

Você é o cara que aceitou passivamente todas as ações e humilhações contra o Brasil e os brasileiros diante da Argentina, Bolívia, Equador, Paraguai, estes paísinhos de mérda e outros.

Você é o cara que perdulariamente, irresponsávelmente e debochando da nossa inteligência,perdoou dívidas de paisecos também corrúptos, enviou dinheiro a título de doação para outros, se esquecendo que no Brasil também temos miseráveis que precisam de bons hospitais, de escolas decentes, de um lugar pra viver e que com esse dinheiro "doado" você poderia, pelo menos, diminuir o caos em que se encontram saúde, educação e segurança no Brasil...mas, como você mesmo costuma se expressar nesta sua maneira tão vulgar ..."o povo que se foda ...!!!", e se esquece que este povo "fodido" é o único responsável por te-lo feito presidente, posto que, quem pensa um pouco neste País e que mesmo com pouca inteligência jamais teria cometido tamanha irresponsabilidade.

Você é o cara que, por tudo isso e mais um elenco de coisas imorais absurdas, transformou este país num chiqueiro libertino e sem futuro para quem não está no seu "grande esquema". 

Você é o cara que transformou o Brasil em abrigo de marginais internacionais cubanos, FARC 'anos etc, negando-se, por exemplo, a extraditar um criminoso vagabundo como você, para um país democrático que o julgou e condenou democraticamente.Você representa o que mais nos envergonha pelo Mundo afora ...!!! 

Você é o cara que transformou corruptos e bandidos do passado em aliados de primeira linha.

Aliás, neste caso, você faz inverter uma das mais importantes Leis da Física que é a Lei da Atração e repulsão;significa que força de idêntico sinais se repelem e as de sinais contrários se atraem".

VOCÊ INVENTOU QUE FORÇAS DO MESMO SINAL SE ATRAEM
por exemplo;VOCÊ, JOSÉ DIRCEU, SARNEY, COLLOR, RENAN, JADER BARBALHO,GENOINO,GUSCHIQUEN, PALOCCI, LEWANDOVSKI,ETC.,ETC.,ETC. 

Você é o cara que está transformando o Brasil num país de parasitas e vagabundos, com o Bolsa-Família, com as indenizações imorais da bolsa terrorismo, com o repasse sem limite de recursos ao MST, o maior latifúndio improdutivo do mundo e abrigo de bandidos e vagabundos e que manipulam alguns ingênuos e verdadeiros colonos.

Para se justificar à estes novos vagabundo, você lhes mostra uma foto sua lendo um livro de cabeça para baixo, afirmando ser desnecessário ESTUDAR e que para se dar bem neste País basta ser vagabundo, safado e esperto e que OUTROS POUCOS QUE NÃO SÃO TAMPOUCO,CONJUGAM DA SUA CARTINHA, PAGARÃO AS CUSTAS, simples assim, "FAZER CARIDADE COM O DINHEIRO ALHEIO"...!!!

Observe a esculhambação que você fez criar no sistema de ensino público no País, dominado por alunos inconsequentes, atrevidos, drogados e agressivos com os pobres dos PROFESSORES.

É, Lula! Você é o cara...
É o cara-de-pau mais descarado que o Brasil já conheceu.
BIS ...BIS...BIS ...BIS ...BIS...BIS...BIS...BIS...BIS... ... ...!!! 

Voce é o cara que deveria apanhar na cara de todo brasileiro honesto e trabalhador." É, Lula... você é o cara que não tem um pingo de vergonha na cara, não tem escrúpulos, é "o cara" mais nocivo que tivemos a infelicidade de ve-lo parido aqui na terrinha ...

Mas ...como diz o velho ditado popular; NÃO HÁ MAL QUE TANTO DURE E NEM BEM QUE NUNCA SE ACABA ...
SUA HORA ESTÁ CHEGANDO ...PARA ALÍVIO DO MUNDO ... 
Advogado-OAB 4536-SPBR

Essa é para os defensores de che, fidel e comunismo responderem: Se a DITADURA cubana é tão boa assim, porque tem tantos cubanos tentando fugir há tempos de Cuba, arriscando suas vidas em barcos improvisados, correndo o risco de virar comida de tubarão??? Porque os KAMARADAS que idolatram esta bosta não se mudam pra lá e nos deixem aqui em paz com o nosso país, que é VERDE, AMARELO, AZUL E BRANCO???
Essa é para os defensores de che, fidel e comunismo responderem: Se a DITADURA cubana é tão boa assim, porque tem tantos cubanos tentando fugir há tempos de Cuba, arriscando suas vidas em barcos improvisados, correndo o risco de virar comida de tubarão??? Porque os KAMARADAS que idolatram esta bosta não se mudam pra lá e nos deixem aqui em paz com o nosso país, que é VERDE, AMARELO, AZUL E BRANCO???

A SERVIDÃO MODERNA (2009) - video completo (Leg. Pt).avi

terça-feira, 25 de setembro de 2012

DIVULGUEM JÁ VAMOS INICIAR A REVOLUÇÃO NO BRASIL...VIDEO PROIBIDO [espalhe]




.PORQUE QUEM ANDA COM PORCO FARELO COME E QUEM VOTA EM LADRÃO ROUBA TAMBÉM...


Anonymous - Recado [PT-BR]

NOVIDADES DO ANONIMOUS BRASIL





ATENDENDO A PEDIDOS ESTOU REPRISANDO A PROVA DOCUMENTAL DA HOMOFÓBIA DO PREFEITO DE VILA VELHA..NEUCIMAR FRAGA..



Entrevista - Neucimar Fraga - Uma chance para a recuperação

Conteúdo extra: Photo Gallery
BRASIL
O deputado Neucimar Fraga (PL-SP) é o autor do projeto de lei que sugere a criação de grupos de apoio aos homossexuais que querem retornar à heterossexualidade. De acordo com ele, deixar de ser gay é uma evolução, e o projeto está longe de ser discriminatório. ¿¿Seria preconceito dizer que a pessoa é gay e vai morrer gay¿¿, disse ele ao Correio.
  
CORREIO BRAZILIENSE ¿ Em que o senhor fundamenta esse projeto?
NEUCIMAR FRAGA ¿ Existe uma corrente, entre médicos e psicólogos, que define a homossexualidade como um distúrbio de comportamento. É isso que eu penso. Vamos dar uma chance para essas pessoas se recuperarem.
  
CORREIO ¿ Com dinheiro público?
FRAGA ¿ Claro. O governo tem vários programas de incentivo à homossexualidade, como a distribuição de preservativos e até trabalhos na Parada Gay. Por que não fazer outro no sentido contrário?
CORREIO ¿ Como funcionaria o programa?
FRAGA ¿ Só existe recuperação de um dependente químico quando ele deseja. Se o desejo de abandonar a homossexualidade vem do coração, o gay merece ajuda para se auto-afirmar e romper o preconceito de que não existe ex-gay.
  
CORREIO ¿ E existe?
FRAGA ¿ Conheço vários ex-gays que voltaram a viver como heterossexuais e hoje são normais.
  
CORREIO ¿ Quem tem dificuldade de se assumir gay poderia recorrer a esse grupo?
FRAGA ¿ Não é essa minha idéia. Como já disse, existem incentivos demais para se tornar homossexual. Mas, se quiserem mexer no meu projeto e colocar uma emenda, tudo bem.
  
CORREIO ¿ O senhor acha esse projeto preconceituoso?
FRAGA ¿ Não. Seria preconceito dizer que a pessoa que é gay e vai morrer gay. Eu acredito na evolução.







segunda-feira, 24 de setembro de 2012

SENSACIONAL ..ACHEI A CURA PARA A HOMOFOBIA,...Homem gasta mais de R$ 60 mil para deixar de ser gay

E NEUCIMAR FRAGA DIZ QUE HOMOSSEXUALIDADE É DOENÇA E TEM CURA.
NO CASO DA HOMOFOBIA DELE ,O NEUCIMAR FRAGA  PREFEITO HOMOFÓBICO DE VILA VELHA,
 ESPÍRITO SANTO ,BRASIL 
,ELE MERECE COMO  TRATAMENTO UMA CURRA,
FEITA POR UNS 100 HOMENS
.ACHEI A CURA PARA A HOMOFOBIA,
 UMA BOA CURRA BEM DADA...
.FICA A IDEIA,,
MAS SE NÃO PARA POR EM PRÁTICA
 VALE A DERROTA NAS URNAS.
Homem gasta mais de R$ 60 mil para deixar de ser gay

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

EXPLICANDO SEXO PARA CRIANÇAS


VARÍOLA


VARÍOLA
Classificada como uma das enfermidades mais devastadoras da história da humanidade, a varíola foi considerada erradicada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em 1980. No entanto, a doença voltou às manchetes de jornal, em virtude da suposição de que ela possa ser utilizada como arma biológica.
Varíola
O Orthopoxvirus variolae, microorganismo causador da varíola
Acredita-se que a varíola tenha surgido há mais de três mil anos, provavelmente na Índia ou no Egito. De lá para cá, ela se espalhou pelo mundo, causou inúmeras epidemias, aniquilou populações inteiras (como diversas tribos de índios brasileiros) e mudou o curso da história. Marcas causadas pela doença foram encontradas na face da múmia do faraó Ramsés II. A doença atingiu também personagens importantes da história ocidental, como a rainha Maria II da Inglaterra, o rei Luis I da Espanha, o imperador José I da Áustria e o rei Luis XV da França.
Em algumas culturas antigas, a letalidade da varíola era tamanha entre as crianças que estas só recebiam nomes se sobrevivessem a ela. No decorrer do século XVIII, a doença matava um recém-nascido em cada dez na Suécia e na França, e um em cada sete na Rússia.
Não bastasse o medo da morte, os enfermos ainda tinham que enfrentar a possibilidade de carregar cicatrizes profundas, principalmente no rosto, ou mesmo de perder a visão – no Vietnã de 1898, 95% dos adolescentes carregavam marcas da doença, e nove em cada dez casos de cegueira eram atribuídos às complicações decorrentes da moléstia.

Sintomas e características

Varíola
O francês Louis Pasteur (1822-1895) foi o primeiro cientista a adimitir que a varíola era causada por microorganismos
varíola era uma doença infecto-contagiosa, exclusiva do homem (não sendo transmitida por outros animais, como a dengue, por exemplo), de surgimento e desenvolvimento repentinos e causada pelo Orthopoxvírus variolae, um dos maiores vírus conhecidos e que é extremamente resistente aos agentes físicos externos, como, por exemplo, variações de umidade e temperatura. O O. variolae pertence à família Poxviridae, a mesma dos vírus causadores de formas variantes da doença, próprias do gado bovino (a varíola bovina), dos macacos, das galinhas e dos camelos.
A transmissão ocorria de pessoa para pessoa por meio do convívio e geralmente pelas vias respiratórias.
Uma vez dentro do organismo, o vírus da varíola permanecia incubado de sete a 17 dias. A seguir, ele se estabelecia na garganta e nas fossas nasais e causava febre alta, mal-estar, dor de cabeça, dor nas costas e abatimento, esse estado permanecia de dois a cinco dias.
Finalmente, a enfermidade assumia sua forma mais violenta: a febre baixava e começavam a aparecer erupções avermelhadas, que se manifestavam na garganta, boca, rosto e que depois espalhavam-se pelo corpo inteiro. Isso ocorre, porque o O. variolae parasita as células do tecido epitelial para se reproduzir.
Com o tempo, as erupções evoluíam e transformavam-se em pústulas (pequenas bolhas cheias de pus), que provocavam coceira intensa e dor – era nesse estágio que o risco de cegueira era maior, pois, ao tocar o olho, o enfermo podia causar uma inflamação grave.
Até aqui, não existe tratamento efetivo contra a varíola. Quando ela existia, o máximo que se podia fazer era tentar amenizar ao máximo a coceira e a dor causadas pela doença e esperar que o organismo reagisse e vencesse o vírus. A sobrevivência do doente dependia da forma de varíola que ele adquiria, já que a enfermidade se divide em duas formas principais, a varíola major, com 30% de letalidade, e a varíola minor, também conhecida como alastrim, que era mais comum e com menos de 1% de casos fatais (também existiam manifestações mais raras da doença, como a hemorrágica e a maligna).
Com o tempo, as pústulas secavam e transformavam-se em crostas, que desprendiam-se ao final de três ou quatro semanas. Caso o enfermo tivesse adquirido a forma major, essas crostas costumavam deixar cicatrizes permanentes na pele.

Médico inglês descobre a vacina

Varíola
Médico extrai linfa de bezerro com vírus da varíola bovina para inoculá-la em indivíduos sadios
No dia 14 de maio de 1796, o médico inglês Edward Jenner retirou pequena quantidade de sangue das mãos de uma camponesa e inoculou em um garoto de oito anos, com o tempo, constatou-se que a criança havia se tornado imune à varíola.
Jenner realizou esse experimento após observar que pessoas antes infectadas com vírus da varíola bovina (bem mais branda) nunca manifestavam a varíola humana: estava descoberta a vacina contra a enfermidade. No entanto, Jenner não foi o primeiro a desenvolver um modo de imunização contra a varíola. Muito antes (por volta do ano 1000), a medicina tradicional chinesa já utilizava um método que constava em extrair o pus das vesículas em estágio avançado de um doente e inoculá-lo em jovens fortes e sadios. Normalmente, esses indivíduos adquiriam formas brandas da doença e a seguir tornavam-se imunes a ela. Seja como for, a descoberta de Jenner mudou a história da imunologia – a própria palavra vacina vem do latim vaccinus, de vacca (vaca).

A Revolta da Vacina

Varíola
Bonde virado em virtude de protestos gerados pela lei que tornava a vacinação contra a varíola obrigatória
Em 1804, a vacina contra a varíola chegou ao Brasil por iniciativa do Barão de Barbacena, que enviou escravos a Lisboa para serem imunizados à maneira jenneriana – os escravos retornaram e a vacinação continuou de braço em braço. Somente em 1887, e graças a Pedro Afonso Franco, na época diretor da Santa Casa de Misericórdia, é que o Brasil começou a produzir definitivamente a vacina em vitelos dentro de laboratórios próprios.
Em 1922, o Instituto Vacinológico fundado pelo próprio Barão Pedro Afonso foi transferido para o Instituto Oswaldo Cruz. Porém, o episódio histórico mais marcante ocorrido no Brasil envolvendo varíola, se deu no ano de 1904, a Revolta da vacina. Indignada com a lei proposta por Oswaldo Cruz que tornava obrigatória a vacinação contra a varíola e estimulada pela imprensa, a população promoveu cenas de vandalismo pela cidade que provocaram estado de sítio e uma insurreição militar que quase derrubou o então presidente Rodrigues Alves.
Varíola
Cientistas da Fiocruz em laboratório produtor da vacina antivariólica (7 de agosto de 1954)

OMS erradica a doença

Com o tempo, novas técnicas aprimoraram a fabricação da vacina contra a varíola, que passou a conter formas vivas de um vírus chamado vaccinia – de origem misteriosa, pertence à mesma família do O. variolae, porém muito menos agressivo. A vacinação em massa permitiu que o número de casos no mundo em cada ano caísse de 50 milhões, em 1950, para 15 milhões em 1967. Nesse mesmo ano, a OMS lançou um plano intenso para a completa erradicação da doença.
O programa foi um sucesso e em 1977 registrou-se o último caso natural da doença na Somália seguido de outro ocorrido em Londres, em 1978, devido a um acidente de laboratório.
Em 1980, após inúmeras verificações, a OMS finalmente declarou a doença extinta e pediu para que os laboratórios do mundo destruíssem suas amostras de vírus.
Foram atendidos por quase todos, menos pelo laboratório do Centro de Controle de Doenças (CDC) de Atlanta, EUA e pelo Instituto Vector da Rússia, últimas instituições com estoques declarados do O. variolae.
Pablo Ferreira

Fontes

Hermann Schatzmayr, virologista da Fiocruz
Febre amarela: a doença e a vacina, uma história inacabada, livro coordenado por Jaime Benchimol, Editora Fiocruz
Organização Mundial da Saúde
Dicionário de medicina e saúde, Luís Rey, editora Guanabara Koogan
Doenças infecciosas e parasitárias, de Ricardo Veronesi, editora Guanabara
Fonte: www.fiocruz.br

Vacina Contra Catapora Fará Parte Do Calendário Do Ministério Da Saúde

Vacina Contra Catapora Fará Parte Do Calendário Do Ministério Da Saúde: Ministério da Saúde, Fiocruz e GSK firmaram parceria para a produção nacional e distribuição gratuita do imunizante a partir de 2013.

Shigella


Shigella 
Shigella é um germe que causa uma doença intestinal infecciosa (chamada “shigelose” ou “disenteria”).
Essadoença pode ser tratada, e a maioria das pessoas melhora rapidamente.
A diarréia intensa pode causar desidratação, um quadro perigoso para crianças pequenas, pessoas idosas e doentes crônicos. Em raros casos, o germe pode causar problemas em outras partes do corpo.

Quais são os sintomas?

Os sintomas mais comuns são diarréia, febre, náuseas, vômitos, cólicas abdominais e necessidade de fazer forçapara evacuar.
As fezes podem conter sangue, muco ou pus. Embora seja raro, crianças pequenas acometidas peladoença podem ter convulsões.
Os sintomas podem demorar até uma semana para surgir, mas na maior parte das vezes começam de dois a quatro dias após a ingestão dos germes; geralmente os sintomas duram vários dias, mas podem permanecer por semanas.

Todas as pessoas infectadas ficam doentes?

Não. Algumas só apresentam sintomas brandos e outras nem sequer adoecem. Mas elas ainda eliminam os germes pelas fezes e, se não tiverem cuidado, poderão contaminar outras pessoas.

Como a Shigella é transmitida?

Para causar infecção, os germes precisam ser ingeridos.
Geralmente eles são transmitidos quando as pessoas não lavam as mãos com água e sabão após ir ao banheiro ou trocar fraldas.
Quem tem os germes nas mãos pode se infectar ao comer, fumar ou levar a mão à boca. Pode também passar os germes para qualquer pessoa ou objeto que tocar, até mesmo para alimentos que, se não forem bem cozidos, poderão transmitir a doença.
Em raros casos, os germes Shigella também podem ser transmitidos em lagos e em piscinas com quantidade insuficiente de cloro.
Quando alguém com diarréia banha-se ou nada na piscina ou no lago, os germes podemsobreviver na água e infectar outras pessoas que engolirem esta água ou apenas molharem os lábios com a água.

A Shigella pode ser transmitida por animais?

Não.
Animais domésticos comuns, animais de fazenda e animais silvestres não transmitem esses germes; apenas seres humanos e macacos podem transmiti-los.

Como posso ter certeza que tenho Shigella?

Seu médico, enfermeiro ou centro de saúde precisa enviar uma amostra das suas fezes ou de um swab retal (material coletado por via retal da porção final do intestino) a um laboratório.
O laboratório então faz uma cultura dos germes e realiza testes para verificar se há Shigella na amostra.
Leva alguns dias para os germes crescerem na cultura em número suficiente para que o laboratório possa executar os testes.

Como a doença é tratada?

A shigelose é tratada com antibióticos.
Se você acha que pode estar com essa doença, procure seu médico ou centro de saúde o mais rápido possível.
Pessoas com diarréias ou vômitos precisam ingerir bastante líquido.

Como você pode evitar a shigelose?

As duas coisas mais importantes a lembrar são que a Shigella só pode causar doença se você ingeri-la e que sabão mata o germe.
Siga as dicas a seguir; se você fizer delas um hábito, poderá evitar a shigelose – bem como outras doenças:
Lave sempre muito bem as mãos com água e sabão antes de comer ou tocar nos alimentos e depois de ir aobanheiro ou trocar fraldas.
Se estiver cuidando de alguém com diarréia, esfregue as mãos com bastante água e sabão depois de limpar o banheiro, ajudar a pessoa a usar o banheiro ou após trocar fraldas, roupas ou lençóis sujos.
Não compartilhe alimentos, bebidas, talheres nem canudinhos.
Caso seu filho freqüente uma creche (day care) e esteja com diarréia, avise os funcionários da creche paraque possam tomar todos os cuidados necessários para que os germes não sejam transmitidos a outras crianças.
Não deixe ninguém com diarréia usar uma piscina ou nadar num lago enquanto estiver doente. Sejaextremamente cuidadoso com crianças pequenas, mesmo que elas usem fraldas. Se você ou seu filho tiver diarréia persistente (com ou sem febre), ou se a diarréia for muito forte, telefone para seu médico ou para o centro de saúde e peça aconselhamento.

Existem normas de saúde para pessoas com shigelose?

Sim.
Como a shigelose é uma doença que pode ser facilmente transmitida para outras pessoas, os profissionais da saúde são obrigados por lei a relatar os casos da doença à secretaria local da saúde. Para proteger a população, os funcionários de empresas do ramo alimentício que contraírem shigelose devemficar afastados do trabalho até que não tenham mais diarréia e os exames de laboratório realizados com duas amostras diferentes de fezes comprovem a ausência de Shigella.
Funcionários de empresas do ramoalimentício que estiverem com diarréia e que moram com alguém infectado com shigelose também deverão comprovar que suas fezes não apresentam Shigella. Empresas do ramo alimentício incluem restaurantes, lanchonetes, cozinhas hospitalares, supermercados, fábricas de laticínios e de processamento de alimentos. Essa lei também se aplica a funcionários de escolas, programas domiciliares, creches (day care) e clínicas que fornecem alimentação, tratamento bucal ou administram medicamentos a clientes ou pacientes.
Fonte: www.mass.gov

BOTULISMO


BOTULISMO
botulismo é uma intoxicação alimentar pouco comum e potencialmente letal causada pelas toxinas produzidas pela bactéria Clostridium botulinum. Essas toxinas são os venenos mais potentes que se conhece e podem produzir danos graves dos nervos e músculos. Como elas produzem lesões nervosas, são denominadas neurotoxinas.
A classificação médica do botulismo é feita de acordo com a sua origem. O botulismo de origem alimentar é resultante da ingestão de alimentos contaminados. O decorrente de uma ferida é resultante de uma ferida contaminada. O botulismo do lactente também é decorrente da ingestão de alimentos contaminados e afeta lactentes.

Causas

bactéria Clostridium botulinum forma esporos. Como as sementes, os esporos podem permanecer em um estado de latência durante muitos anos e são muito resistentes à destruição.
Em condições ideais (presença de umidade e de nutrientes e ausência de oxigênio), os esporos começam a crescer e produzem uma toxina. Algumas toxinas produzidas pelo Clostridium botulinum são proteínas altamente tóxicas que resistem à destruição por parte das enzimas protetoras do intestino.Quando o alimento contaminado é consumido, a toxina penetra no organismo pelo sistema digestivo, causando o botulismo alimentar.
As conservas caseiras são a fonte mais freqüente do botulismo, embora alimentos comerciais tenham sido responsáveis em cerca de 10% dos surtos.
Os vegetais, os peixes, as frutas e os condimentos são as fontes alimentares mais comuns. A carne bovina, os laticínios, a carne suína e de aves e outros alimentos também foram responsabilizados por casos de botulismo.O botulismo devido a uma ferida ocorre quando esta é contaminada pelo Clostridium botulinum. No interior da lesão, as bactérias produzem uma toxina que é então absorvida para o interior da corrente sangüínea e produz os sintomas.
botulismo do lactente ocorre mais freqüentemente em lactentes com dois a três meses. Ao contrário do botulismo alimentar, ele não é causado pela ingestão da toxina préformada, mas é resultante da ingestão de alimentos que contêm esporos, que desenvolvemse no intestino do lactente produzindo toxinas.
A causa da maioria dos casos é desconhecida, mas alguns deles foram relacionados ao consumo de mel. O Clostridium botulinum é comum no meio ambiente e muitos casos podem ser decorrentes da ingestão de pequenas quantidades de poeira ou de terra.

Sintomas

Os sintomas manifestamse subitamente, comumente 18 a 36 horas após a entrada da toxina no organismo, embora eles possam manifestarse 4 a 8 horas após a entrada da toxina.
Quanto maior for a quantidade de toxina que entra no organismo, mais precoce será a manifestação da doença. Geralmente, os indivíduos que adoecem nas 24 horas que sucedem a ingestão do alimento contaminado apresentam um quadro mais grave. Os primeiros sintomas comumente incluem a boca seca, a visão dupla, a ptose palpebral e a incapacidade de focar objetos próximos.
As pupilas não contraem normalmente quando expostas à luz durante o exame oftalmológico, inclusive podendo não contrair em absoluto. Em alguns indivíduos, os primeiros sintomas são a náusea, o vômito, as cólicas estomacais e a diarréia. Outros indivíduos não apresentam esses sintomas gastrointestinais, principalmente aqueles que apresentam o botulismo devido a uma ferida.O indivíduo afetado apresenta dificuldade de fala e de deglutição.
A dificuldade de deglutição pode levar à aspiração de alimentos e à pneumonia aspirativa. Os músculos dos membros superiores e inferiores e os respiratórios apresentam uma fraqueza progressiva à medida que os sintomas avançam gradualmente, de cima para baixo.
A incapacidade dos nervos para funcionar adequadamente afeta a força muscular, apesar da sensibilidade ser preservada. Apesar da gravidade dessa doença, o estado mental geralmente permanece inalterado. Em aproximadamente dois terços dos casos de botulismo do lactente, a constipação é o sintoma inicial.
Em seguida, ocorre a paralisia dos nervos e músculos, começando na face e na cabeça e atingindo finalmente os membros superiores, os membros inferiores e os músculos respiratórios. Os nervos de um dos lados do corpo podem ser mais lesados que os do outro lado. Os problemas variam de uma letargia discreta e um tempo prolongado para se alimentar até a perda acentuada do tônus muscular e a incapacidade de respirar adequadamente.

Diagnóstico

No botulismo alimentar, o padrão característico do comprometimento nervoso e muscular pode levar o médico a estabelecer o diagnóstico. No entanto, os sintomas são freqüente e equivocadamente considerados como devidos a causas mais comuns de paralisia como, por exemplo, um acidente vascular cerebral.
Uma provável origem alimentar provê uma pista adicional. Quando o botulismo ocorre em duas ou mais pessoas que consumiram o mesmo alimento preparado no mesmo lugar, o diagnóstico tornase mais fácil, mas ele somente é confirmado através da detecção da toxina no sangue ou da cultura de fezes positiva para a bactéria.
A toxina também pode ser identificada no alimento suspeito. A eletromiografia (um exame que analisa a atividade elétrica dos músculos) revela contrações musculares anormais após a estimulação elétrica em quase todos os casos de botulismo.
diagnóstico de botulismo devido a uma ferida é confirmado quando a toxina é encontrada no sangue ou quando uma cultura de amostra de tecido da ferida é positiva para a bactéria. A identificação da bactéria ou de sua toxina em uma amostra das fezes do lactente confirma o diagnóstico do botulismo do lactente.

Prevenção e Tratamento

Os esporos são altamente resistentes ao calor e podem sobreviver à cocção por várias horas. Contudo, as toxinas são destruídas imediatamente pelo calor e, conseqüentemente, o cozimento do alimento a 80 °C durante 30 minutos previne o botulismo alimentar.
O cozimento dos alimentos imediatamente antes de seu consumo quase sempre previne a ocorrência de botulismo alimentar, mas os alimentos cozidos de modo inadequado podem causálo quando guardados após a cocção. As bactérias podem produzir algumas toxinas em temperaturas baixas de até mesmo 3°C, a temperatura usual de um refrigerador.
É essencial que o acondicionamento de alimentos (caseiros ou comerciais) seja adequado, assim como o aquecimento dos alimentos enlatados utilizados em casa antes de serem servidos.
Os alimentos enlatados que apresentam qualquer evidência de deterioração podem ser letais e devem ser descartados. Além disso, as latas inchadas ou com vazamentos devem ser imediatamente descartadas. O mel não deve ser dado a crianças com menos de 1 ano, pois ele pode conter esporos.
Mesmo quantidades mínimas de uma toxina que penetra no organismo por meio da ingestão, da inalação ou da absorção pelo olho ou de uma solução de continuidade cutânea podem causar uma doença grave.
Por essa razão, todo alimento que possa estar contaminado deve ser descartado imediatamente e com cuidado. O indivíduo deve evitar o contato com a pele e as mãos devem ser lavadas imediatamente após a manipulação do alimento.
Um indivíduo com suspeita de botulismo deve procurar um hospital imediatamente. Freqüentemente, o tratamento é iniciado antes dos resultados de exames estarem disponíveis.
De qualquer modo, eles devem ser solicitados para confirmação do diagnóstico. Para livrar o organismo de qualquer toxina não absorvida, o médi co pode induzir o vômito, realizar uma lavagem gástrica e pode administrar um laxante para acelerar a passagem do conteúdo intestinal.
O maior perigo do botulismo é o comprometimento respiratório. Os sinais vitais (pulso, freqüência respiratória, pressão arterial e temperatura) são controlados regularmente.
Caso ocorram problemas respiratórios, o indivíduo deverá ser transferido para uma unidade de terapia intensiva e pode ser mantido temporariamente sob ventilação mecânica. A terapia intensiva reduziu a taxa de mortalidade por botulismo de aproximadamente 70% no início deste século para menos de 10% atualmente.
A alimentação parenteral (por via venosa) também pode ser necessária. A antitoxina botulínica não reverte o dano causado, mas pode retardar ou inclusive interromper a deterioração física e mental, o que permite que o corpo vá se recuperando espontaneamente ao longo dos meses.
Assim que o diagnóstico for estabelecido, a antitoxina botulínica é administrada o mais rapidamente possível, pois a probabilidade de êxito é maior quando ela é administrada nas primeiras 72 horas após o início dos sintomas. Atualmente, a antitoxina botulínica não é recomendada no tratamento do botulismo do lactente, mas a sua eficácia para esse tipo de botulismo vem sendo estudada.
Fonte: mmspf.msdonline.com.br

terça-feira, 18 de setembro de 2012

DILMA A FILHA DO MENSALÃO...MOVIMENTO FORA DILMA VANA ROUSSEF



Pode demorar, mas um dia toda verdade acaba por ser descoberta.


A Justiça Brasileira está provando a sua verdadeira face:
Não aceita pressões, não se vende, não apoia a politicagem 
e condena os corruptos.

É o fim da impunidade no Brasil.

Parabéns STF!!!

O povo brasileiro agradece.

Campanha "Dilma, receba Edmeire!"

Marido” de Dilma não desiste: Edmeire ronda o Palácio da Alvorada 

Campanha "Dilma, receba Edmeire!"


“Marido” de Dilma não desiste: Edmeire ronda o Palácio da Alvorada

Escrito por Daniela Novais 18:10:00 18/09/2012 

Crédito : Fábio Rodrigues Pozzebom/AgBr
 Nesta terça (18) a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi acionada pela manhã, após a segurança da Presidência da República perceber a presença de Edmeire Celestino da Silva, 29 anos, rondando as proximidades do Palácio da Alvorada, em Brasília. Há uma semana, Edmeire tentou entrar no Palácio do Planalto dizendo ser “marido” da presidente Dilma Rousseff e em 2010 teria matado pombos em Campinas no estado de São Paulo, para chamar atenção da “esposa”. 
De acordo com o Gabinete de Segurança Institucional, a segurança da Presidência fez a abordagem inicial e acionou a PM, mas desta vez Edmeire não apresentou nenhum comportamento que pudesse suscitar a necessidade de repreensão policial e deixou o local sem maiores problemas, como na semana passada, em que trocou socos com um segurança no Palácio do Planalto e declarou seu amor pela presidente Dilma. 
Apoio psicológico – Diz um ditado popular, que “Amor, com amor se paga”. Edmeire, segundo informações da família, é portadora de distúrbios psíquicos e se apaixonou por Dilma desde que ela se candidatou à Presidência. Sugerimos que Dilma receba Edmeire, que segundo dona Neusa Ferreira da Silva, mãe da moça, ela trabalhou para juntar dinheiro e vir à Brasília para o desfile de 7 de setembro e poder chegar perto da musa e poder gritar “Eu te amo, minha Dilminha”. 
Além disso, segundo D. Neusa, a filha entrou em contato com a família na quinta (13) e que não iria desistir de ver a amada. “Ela disse que está bem e que não vem embora enquanto não declarar seu amor a Dilma”, afirmou. 
Recebendo ou não Edmeire, o fato é que a presidente, caso tenha tomado conhecimento das andanças de seu “marido”, deve concordar que não precisa dos seguranças, mas de apoio psiquiátrico. Dilma, receba Edmeire? 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...