PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA ,ES,BR

PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA ,ES,BR
ENTARDECER NA PRAIA DE ITAPARICA,VILA VELHA,ES,BR

SERGIO DE MATOS Headline Animator

terça-feira, 28 de abril de 2015

..Os babados fortes e venenos mortais que exterminaram os ratos petralhas..Há um véu de silêncio cobrindo as denúncias da OAS em relação às patifar...

 OS BABADOS FORTES E VENENOS MORTAIS

 QUE EXTERMINARAM 

OS RATOS PETRALHAS DO BRASIL



Edinho-Alencar 1

Edinho Silva, ex-tesoureiro da campanha de Dilma
promovido a titular da Secom

– Secretaria de Comunicação, em 2014,
teria repassado mais de R$ 16 milhões

a uma gráfica-fantasma de
Beckembauer Rivelino de Alencar

e Muller de Alencar, irmãos do
jornalista Kennedy Alencar, hoje no SBT.

 A informação é do site O Antagonista, de Diogo Mainardi e Mário Sabino,

 num trabalho investigativo depois da ação da Lava Jato
contra a Gráfica Atitude,

usada por João Vaccari Neto. Nas despesas
com gráficas,

chama a atenção a quantia de R$ 16,6 milhões recebidas
pela gráfica VTPB Ltda.

 O site exibe recibo de R$ 1,4 milhão repassado
diretamente por Edinho.

Edinho-Alencar 2

A VTPB está registrada na rua Atilio Piffer, 29, Casa
Verde

, em São Paulo, mas o que existe lá é uma portinha num prédio de
dois andares,

 “fechado há anos”, segundo vizinhos.

A empresa foi aberta
em 2008, na Avenida Ipiranga, 1071,

 cj 206, no centro de São
Paulo. Os titulares eram os irmãos de Kennedy Alencar.

 Em julho de
2009, sai Muller e entra Wilker Correa de Almeida,

 no mesmo endereço de
Muller. Em julho de 2014, a razão social

acrescenta termos que lhe
permite produzir para campanhas eleitorais

 e a sede vai para a Casa
Verde.

Em agosto de 2014, emitiu num único mês notas de R$ 2,1

 milhões
para a campanha de Dilma.

Fazendo as contas

Na gestão de Sergio Gabrielli na Petrobras,

a estatal
informou que encolheu R$ 47 bilhões por desvalorização

 de ativos e
cancelamento de projetos e desse total, R$ 41,2 bilhões

tem origem em
iniciativas que lesaram o patrimônio na gestão do ex-presidente,

 que
ficou no cargo seis anos e sete meses seguidos.

 É o equivalente a R$
17,4 milhões em perdas por dia ou R$ 726,4 mil por hora.

 O buraco é
similar à receita anual conjunta da General Motors, Mercedes Benz e
Honda.

 Ou é maior do que as somas das vendas do Carrefour e Walmart em
2013.

 Sergio Gabrielli é aquele que nunca soube de nenhum esquema

de
propinas instalado na Petrobras.

Contra-ofensiva

A guerra entre Renan Calheiros, do Senado e Eduardo
Cunha

, da Câmara, poderá ganhar um novo e surpreendente episódio.

 O
pessoal de Cunha articula a convocação do ex-presidente da Transpetro,

 Sergio Machado, apadrinhado de Renan, para depor na CPI da Petrobras,

 controlada por Cunha. Machado está citado na investigação que apura

 o
esquema de corrupção da Lava Jato.

Essa convocação é tudo que Renan não quer ver na vida.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...